Antes da tempestade


Quando entro em meu túnel do tempo
Vejo nas fotos que guardam momentos
– Antes da tempestade da vida me trazer
Para o centro do ciclone adulto–
Em que a alegria saltava de meus olhos criança
Para brilhar na pele beijada pelo Sol
Enquanto a paz dançava em meu sorriso;
Na sutileza de minha inocência
Reinava soberano em meu próprio trono;
Por meus dedos dispendiam a união
Prazerosa com a natureza,
Amando o Sol, as flores e o vento…
Mas não estou só nesse ciclone
Também vejo a todo o momento,
Aqueles que me rodeavam e rodeiam
Suplicando cada um a sua maneira, a seu jeito
O amor da criança que foram
E seu insubstituível conforto…
Anúncios

Olá! Obrigado pela visita.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: